top of page

A franqueadora é obrigada a oferecer suporte ao franqueado?

A relação entre franqueador e franqueado é fundamental para o sucesso do sistema de franchising. Contrariando algumas expectativas, a lei de franquias não obriga o franqueador a fornecer suporte aos seus franqueados, mas exige transparência quanto a essa questão. Entretanto, é essencial entender que o suporte ao franqueado não só é benéfico como também é um elemento chave para a consolidação e competitividade da franqueadora.



O Que Constitui o Suporte ao Franqueado


O suporte ao franqueado abrange diversos aspectos, desde a manutenção de padrões de atendimento, serviços e produtos até a orientação na gestão da franquia. Consultorias são realizadas para garantir que os padrões sejam mantidos e que o franqueado receba orientações estratégicas para melhorar sua operação. Além disso, ferramentas de comunicação e serviços de atendimento ao franqueado são essenciais para garantir uma rede interligada e pronta para enfrentar desafios.


O Papel da Lei de Franquias


Embora a lei de franquias não obrigue o franqueador a oferecer suporte, ela exige transparência na divulgação dos serviços oferecidos ao franqueado. É necessário que o franqueador descreva de forma clara e acessível na Circular de Oferta de Franquia o que é oferecido em termos de suporte, supervisão de rede e serviços.


Benefícios do Suporte ao Franqueado


Oferecer suporte ao franqueado não só fortalece a marca e torna a franqueadora mais competitiva, mas também contribui para a saúde e eficiência da rede como um todo. O suporte é essencial para alinhar todas as unidades franqueadas aos objetivos da franqueadora, promovendo atualização, inovação e tecnologia capazes de renovar a marca e atrair o público-alvo.


O Papel do Franqueado


O franqueado não deve esperar que o franqueador faça todo o trabalho por ele. Ele é um investidor que optou por operar um negócio de risco, e seu sucesso depende do seu empenho e participação ativa. Participar das atividades propostas pela franqueadora, receber o suporte de coração aberto, resolver problemas de forma colaborativa e defender a marca são responsabilidades fundamentais do franqueado.


Em resumo, o suporte ao franqueado é essencial para o sucesso do sistema de franchising. Tanto franqueadores quanto franqueados devem compreender a importância dessa relação e trabalhar juntos para garantir o crescimento e a competitividade da rede.

bottom of page